Semeia quer sensibilizar moradores  para cuidar da cidade

A secretaria municipal de meio ambiente (Semeia) coordenará uma ação de conscientização de moradores visando coibir práticas de água servida jogada nas ruas pavimentadas da cidade. Essas águas contribuem para a aceleração do processo de deterioração do pavimento.

A ação envolverá ainda servidores da Semplan e Semosp. As equipes também irão notificar o proprietário, cujo o imóvel, apresentar problemas com fossas abertas e com vazamento, residências e empresas sem lixeiras, residências com entulho nas calçadas e no meio da rua, construção de calçadas em ruas que já possuem pavimento e meio fio.

Coforme explicou a secretária de meio ambiente, Kátia Casula, o foco será o de sensibilizar os moradores quanto aos deveres do cidadão em contribuir com os ambientes públicos. “Cuidar da cidade é uma obrigação de todos. Porém, muitos moradores não fazem o dever de casa”.

Kátia exemplificou que o Código de Postura do Município especifica os deveres dos munícipes para contribuir com a limpeza e manutenção da Cidade:

1. Todo gerador de entulho é responsável pela destinação correta dos resíduos. A Prefeitura é responsável em recolher o lixo doméstico, desde que esteja acondicionado corretamente em sacos de lixo e armazenado na lixeira nos dias de coleta. O entulho de construção, poda de árvores, restos de móveis e outros são responsabilidades do proprietário do imóvel dar destinação correta a esses resíduos. Este tipo de entulho não pode ser jogado na rua, na calçada ou em outros terrenos vazios.

2. Ruas, praças, esquinas, canteiros centrais das vias, terrenos, córregos e riachos não são lixeiras. Qualquer que seja o material a ser descartado não pode ser feito no meio ambiente. A prática correta evita danos ao meio-ambiente, minimiza transtornos na cidade e melhora a qualidade de vida de todos.

3. Água servida deteriora o Asfalto. A água servida quando é lançada diretamente na rua, ela escorre e passa na frente de varias residências e comércios, empoça e pode atrair transmissores de doenças como ratos, moscas e baratas. Além disto, quando a Prefeitura recupera um trecho de asfalto e a água servida é jogada, esse trabalho é todo perdido. O local apropriado para o descarte das Águas Servidas é na fossa séptica.

4. Todo terreno particular deve estar limpo. O Código de Postura do Município determina que a limpeza e a manutenção de terrenos privados cabem ao proprietário. Nas localidades que já contam com infraestrutura de asfalto é obrigação do morador construir a calçada.

5. Fossas sépticas devem estar fechadas – As fossas sépticas abertas e com vazamento ocasionam uma série de risco a saúde da população, sendo dever do morador mantê-la em bom estado de utilização.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.