Adolescente foge da família em Fortaleza e vai a Manaus encontrar namorada que conheceu no Face

Imagine você descobrir na véspera do Natal que seu filho adolescente fugiu de casa, pegou um avião e viajou milhares de quilômetros para encontrar um amor em outra região do Brasil. Pois foi o que aconteceu com a auxiliar de professora Roseane Miranda das Chagas. O filho dela, Rodrigo das Chagas de Sousa, 17, arrumou as malas, saiu de Fortaleza para Manaus sem falar nada para ninguém, e veio parar no bairro Novo Reino, na zona Leste, para encontrar a namorada, uma jovem de 16 anos, com quem ele começou a namorar pelo Facebook.

Felizmente a história teve um final feliz. Depois de muito sufoco, o rapaz foi encontrado. Mas fica o alerta da mãe aliviada, depois de tanto sufoco: “Pais, fiscalizem melhor as redes sociais dos seus filhos. É um perigo. Nunca pensei que ele tivesse essa coragem”.

Roseane deu falta do filho por volta das 11 horas da noite, antes da ceia de Natal. Sete horas antes, ele havia embarcado para Manaus, tomado pela paixão adolescente e louco para encontrar a jovem de 16 anos com quem ele namora pelo Face. “Fiquei desesperada. Foi quando o irmão dele me contou o que aconteceu. Ele viajou e contou apenas para o irmão”, ela conta.

Roseane, a mãe de Rodrigo

 

A própria família da moça ligou para Fortaleza, avisando que o genro do Nordeste havia chegada para conhecer a namorada, até então, apenas virtual. Ele foi acolhido pela família da moça, e ao falar ao telefone e explicar para a mãe o que fez, pediu desculpas pela dor de cabeça. “Ele chorou e pediu desculpa. É um menino bom, de igreja. Não vou brigar, não adianta”.

Roseane passou dias de angústia. Fez apelo em redes sociais. A família da jovem saiba que o jovem estava chegando e não foi pega de surpresa.  Rodrigo contou em Manaus que a mãe sabia de tudo e havia autorizado a viagem. Agora, o rapaz não tem dinheiro para voltar para casa, e segue em Manaus. “Ele foi só com a ida e eu não tenho condições. Nem eu nem a família da moça”.

Quando chegar em casa, Rodrigo será bem recebido, mas vai ganhar um bom puxão de orelhas. E o namoro? Va continuar? Roseane diz que sim, mas só tem um porém: “Ela lá e ele aqui”.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.