Incentivada limpeza nos quintais contra à dengue em Ji-Paraná

O Departamento de Vigilância em Saúde da prefeitura de Ji-Paraná realizou pit stops nesta sexta-feira (14), pela manhã para alertar a população sobre a importância de realizar faxinas nos quintais com frequência.

Os servidores da secretaria Municipal de Saúde (Semusa) distribuíram panfletos e usaram faixas nos semáforos mais movimentados do Primeiro e Segundo distritos da cidade.

Durante o período chuvoso e a elevação das temperaturas a população deve ficar de olho nos locais que podem se tornar criadouros do mosquito que transmite a Dengue, Zika e Chikungunya. Os focos se multiplicam.

Segundo a diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, Emanoela Sousa, a vistoria nas calhas, fossa e quintais deve ser feita toda semana para identificar e eliminar possíveis criadouros do Aedes aegypti.

“Em Ji-Paraná 80% dos criadouros estão nas residências. A Prefeitura precisa do apoio da população para que possamos evitar proliferação e aumento de casos das doenças transmitidos pelo mosquito da dengue. Qualquer tampinha de garrafa ou eletrodomésticos, garrafas pets, sacolas, pneus e vasilhames podem abrigar as larvas do Aedes. O mosquito leva de sete a dez dias para se desenvolver. É rápido”, explicou Emanoela.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.